No meio da correria do dia a dia é normal sentir-se cansada e com menos energia. A boa notícia é que a introdução de alguns alimentos específico na sua dieta, podem ajudá-la a sentir-se com mais energia.

Seja a estudar ou a trabalhar, a nossa rotina é cada vez mais exaustiva. A falta de energia pode afetar suas atividades diárias e torná-la menos produtiva. Para muitos isto significa chávenas e mais chávenas de café ou talvez algumas bebidas energéticas mas o problema destes estimulantes é seu caráter temporário.

Os estimulantes vão fornecer-lhe uma energia rápida e satisfatória no momento, mas após um tempo o seu corpo irá sentir-se ainda mais cansado do que estava. O ideal nestes casos é consumir alimentos energéticos, que sem afetar o processo de digestão, auxiliam na produção da energia.

Embora todos os alimentos forneçam energia, alguns alimentos contêm nutrientes que podem ajudar a aumentar seus níveis de energia e manter seu estado de alerta e concentração ao longo do dia.

Leia a nossa lista de 15 alimentos energéticos para proteger a sua saúde diariamente.

Banana

As bananas podem ser um dos melhores alimentos para obter energia, pois são uma excelente fonte de hidratos de carbono complexos, potássio e vitamina B6, uma ótima opção, especialmente no pré-treino, para lhe dar um combustível rápido.

Peixe Gordo

Peixes gordurosos como salmão e atum são boas fontes de proteínas, com pouca gordura, possuem ômega 3, necessário para manter a saúde do coração, atividade cerebral e circulação. Uma porção de salmão ou atum fornece a quantidade diária recomendada de ácidos graxos ômega-3 e vitamina B12.

Arroz Integral

O arroz integral é um alimento muito nutritivo, comparado com o arroz branco, é menos processado e retêm mais valor nutricional na forma de fibras, vitaminas e minerais. Além disso, graças ao seu conteúdo de fibra, o arroz integral tem um baixo índice glicêmico, portanto, pode ajudar a regular os níveis de açúcar no sangue e promover níveis estáveis ​​de energia ao longo do dia.

Ovo

Os ovos são uma excelente opção, porque possuem muito ferro e proteína, substâncias capazes de fornecer energia durante o dia todo, além de possuírem colina, um tipo de vitamina B necessária para funções cerebrais e produção de energia.

Maçã

A maçã é uma das frutas mais populares do mundo e é uma boa fonte de hidratos de carbono e fibras. Uma maçã de tamanho médio (100 gramas) contém cerca de 14 gramas de hidratos de carbono, 10 gramas de açúcar e até 2,1 gramas de fibra. O açúcar natural encontrado na maça é ótimo para fornecer energia, além de manter o nível de açúcar do sangue estável.  Por último, é importante referir que a maior concentração de nutrientes se encontra na casca, pelo que as maçãs devem ser comidas inteiras depois de devidamente lavadas.

Batata Doce

Não há razão para não incluir hidratos de carbono na sua dieta, a batata doce é uma campeã entre os alimentos que dão mais energia. Em parte por causa dos hidratos de carbono integrais, ricos em fibras, que são absorvidos mais lentamente do que a farinha branca e o açúcar.

Água

A desidratação pode retardar a produção de energia, deixando-a com que se sinta cansada. Beber bastante água é essencial para impulsionar e manter a disposição. A quantidade de água recomendada para consumo diário é de 2 litros, sendo que uma parte desse valor pode ser obtido através da comida que ingere. A melancia, por exemplo, é um alimento repleto de líquido e muito saboroso. Beba pelo menos um grande copo de água assim que acordar para que o seu corpo não comece o dia desidratado e fatigado.

Chocolate Amargo

Uma barra de chocolate amargo com 75% ou mais de cacau, é uma opção de baixo teor de açúcar e é uma boa fonte de cafeína e teobromina, dois estimulantes que podem aumentar a energia e o humor. O chocolate amargo também é rico em flavonoides, que promovem a saúde do coração. Lembre-se que quanto mais saudável estiver o seu coração, mais oxigénio será transportado pelo corpo, o que significa maiores níveis de energia.

Aveia

A aveia é fonte de energia por ser composta principalmente por hidratos de carbono e por ter alta concentração de vitaminas do complexo B, que ajudam o organismo a converter os nutrientes em energia. Também é rica em proteínas e em fibras solúveis, mantêm o bom funcionamento intestinal e ajudam na recuperação muscular. Para além disso, dá uma sensação de saciedade praticamente instantânea, o que é ótimo para uma refeição pré-treino.

Iogurte

Se comer hidratos de carbono, adicione proteínas. Quando juntamos hidratos de carbono e proteínas, o processo digestivo desacelera. Lembre-se que o iogurte grego tem mais proteína que o iogurte natural (no entanto, é mais calórico e possui mais açúcar, por isso deve consumi-lo em pequenas quantidades). Todos os tipos de iogurtes  possuem probióticos que ajudam a fortalecer seu sistema imunológico e aumentar os seus níveis de energia.

Abacate

Adicione um abacate à sua dieta quando se sentir com pouca energia. Além da vitamina B que ajuda as células a transformarem alimentos em combustível, os abacates são ricos em gorduras e fibras saudáveis. A gordura presente neste alimento, ajuda a aumentar a absorção de nutrientes dos alimentos que ingeriu. Além disso, a fibra retarda a subida e a descida do açúcar no sangue após uma refeição ou lanche, promovendo níveis de energia mais constantes.

Noz

Castanhas, nozes, avelãs e amendoins são ricos em gorduras monoinsaturadas e polinsaturada (as gorduras boas), que são convertidas de forma imediata em energia pelo organismo. Além disso, têm nutrientes como vitamina E, magnésio, potássio que atuam no combate ao envelhecimento celular e aumentam a sensação de saciedade.

Pipocas

Com exceção das pipocas que compramos no cinema (repletas de óleo, açúcar e sal), o milho feito em casa ou no micro-ondas é repleto de fibras e ajudam a diminuir o trabalho na digestão, sendo uma excelente opção quando precisa de alimentos que dão energia.

Feijão

Uma porção de feijões por dia proporciona, por norma entre 10 a 14 gramas de fibras, o suficiente para reduzir o mau colesterol no sangue em cerca de 10%. Os melhores são os secos, que devem ser previamente demolhados. O feijão é digerido lentamente, o que ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue estáveis ​​e fornecem energia. Além disso, o feijão contém antioxidantes que podem ajudar a combater a inflamação e promover a energia.

Vegetais Com Folhas Verdes

A couve é um superalimento, repleto de vitaminas e minerais e uma grande fonte de cálcio e energia. Quando for escolher um vegetal, opte por vegetais com folhas escuras como a acelga e os espinafres que são ricos em vitaminas A e C, cálcio, ferro, fibra e proteína. Além de serem fáceis de preparar, possuem muitos dos nutrientes que dão energia.

Resumindo…

Uma variedade abundante de alimentos ajudam a reforçar a sua energia. Lembre-se que para além da alimentação é fundamental dormir bem e praticar atividades físicas regulares. Com pequenas mudanças, verá como se sentirá com mais energia para enfrentar o dia-a-dia.

Se quiser saber mais sobre alimentação, leia o nosso guia Alimentação Saudável Em Confinamento.

Discover Healthy. Get Clever!