Catarina Sanches @catsanches

by | Dec 6, 2021 | Lifestyle, Testemunho

#testemunho: Simpática, ativista pela Causa Animal, mentora do Desafio Vegetariano, a Catarina Sanches é a autora do projeto @catsanches 😊

⁠Conhece a Catarina e o seu lifestyle vegan.

Qual é a tribo alimentar com que mais te identificas?

Vegana há 2 anos. Habitamos todos/as o mesmo Mundo. Temos de aprender, com urgência, a coexistir com respeito com todas as espécies.

Ainda não me entra na cabeça como é que fui capaz de explorar e matar tantos animais, durante tantos anos, apenas por apreciar o sabor da sua carne, ou do seu leite. E esse é o meu maior porquê.

O que é que mais te inspira no lifestyle vegan?

A empatia que gera empatia que gera empatia que gera empatia. É lindo, não é?

Quais foram os principais desafios na adoção de um lifestyle vegan?

Deixar de comer onde me apetece. Deixar de ir a buffets (ahhh, o quanto eu adorava aqueles buffets de ‘tudo’, sabem?). Ter de levar sempre comida para as festas/jantares/encontros, quando não há opção vegan para mim (‘ah, mas nem pode ter ovos’?). E, recentemente, ter de viajar sempre com comida.

Com um bebé na bagagem, e não sabendo que ingredientes vou ter disponíveis no local de destino, acabo por viajar sempre com uma mala só com comida. Uma mala que, muitas vezes, até é a que pesa mais e ocupa mais espaço.

O que recomendarias a quem quer começar um lifestyle vegan?

Não há forma de começar. Em primeiro lugar, tem de se querer. Não o podemos fazer por moda, ou para agradar a alguém. Eu já tinha tentado ser vegana há 5 anos, mas faltou-me a motivação certa para manter num regime alimentar 100% vegetal, tendo-me ficado pelo lugar comum ‘quase não como carne’.

Quando engravidei do Lucas, tudo se tornou muito mais claro. Se o queria educar segundo aquilo que eu acredito serem os valores certos, então eu teria de ser o seu maior exemplo.

Por isso, a quem quer começar, coloco antes as questões: Por que o estás a fazer? O que te motiva?

Acreditas nesses motivos o suficiente, para iniciares e te manteres num caminho que vai completamente contra a maré? Então tens o que é preciso. O resto vais encontrar pelo caminho. Porque empatia gera empatia. E veganismo é empatia.

O que mudou em ti por causa do lifestyle vegan?

Tornei-me numa pessoa muito mais empática. Quando deixamos de discriminar as outras espécies, quando deixas de ser egoísta para passares a ver o/a outro/a como igual a ti mesmo/a, tornas-te irremediavelmente numa pessoa muito mais empática.

Não vou dizer que o veganismo me salvou, como é também lugar comum, mas sem dúvida alguma que sou, hoje, uma muito melhor versão de mim.

Vivo em paz, por saber que não causa sofrimento desnecessário a outras espécies. A tal empatia, que gera empatia.

Na Clevermeals acreditamos que nunca houve um momento em que o que comemos dissesse tanto sobre quem somos, sobre o nosso ponto de vista ecológico, ético e até sobre o nosso lifestyle.

O mundo está a abrir os olhos para várias questões, ambientais, éticas e não só, e que estão intimamente relacionadas com os nossos hábitos de consumo (não apenas com o que comemos).

Estamos sem dúvida num ponto de viragem porque alguns temas, até então encobertos por várias Indústrias, estão a começar a ser discutidos na praça pública. Isso pode (e já está) a ajudar a que alguns alterem os seus hábitos, parcial ou totalmente. Todas as mudanças contam.

O Planeta Terra precisa disso. Os animais precisam disso. E nós, raça humana, precisamos TANTO disso.

O que inspira a tua vida? O que inspirou o projeto CatSanches?

Comecei o projeto por diversão. Sempre gostei de fotografia, fui uma early adopter no Instagram e rapidamente o comecei a utilizar para criar conteúdo fotográfico que me divertisse.

A plataforma foi crescendo noutras direções e, hoje em dia, acabo por utilizar a plataforma de um ponto de vista mais egoísta: contando à minha comunidade o que como, como como, e porque o como, na esperança de que comecem a comer assim também.

Quais são as 3 coisas que não podem faltar na tua vida?

Equilíbrio (falta vezes demais do que devia, e é por isso que é sempre bom lembrar que é essencial), Empatia (a palavra que mais sinto no coração desde que mudei de regime alimentar) e, claro, os Meus.

Se o Planeta pudesse falar, o que nos diria?

Parem, por favor. Por favor. Por favor.

Como devemos descrever a Catarina?

Catarina, 32 anos, mãe do Lucas, de duas gatas, e de uma cozinha muito desarrumada mas muito feliz. Social Media Manager & Strategist na Wunderman Thompson, dou aulas de Instagram Marketing , sou mentora no Desafio Vegetariano e Ativista pela Causa Animal. Ando cá, assim como toda a gente, a tentar ser feliz.

Discover Healthy. Get Clever!

Artigos relacionados

Dicas Para Um Natal Sem Stress

Dicas Para Um Natal Sem Stress

Embora o Natal seja conhecido como a época mais maravilhosa do ano, também pode ser stressante. Veja as dicas para um Natal sem stress.

Tâmara

Tâmara

As tâmaras são uma fruta exótica, rica em nutrientes e que pode trazer vários benefícios para a sua saúde. Fique a saber mais na Clevermeals.

Arando

Arando

O arando é uma pequena baga de cor avermelhada com diversas propriedades benéficas para a nossa saúde. Fique a saber mais.