#testemunho: divertida, apaixonada pela vida, nutricionista, a Marta Correa Lima é a autora do projeto @martacorrea_nutricionista 😊⁠

⁠Conhece a Marta e o seu lifestyle saudável.

Qual é a tribo alimentar com que mais te identificas?

Eu diria que me enquadro num estilo de alimentação intuitiva, que é equilibrada, saudável, variada e, acima de tudo, consciente, sem extremismos. Ou seja, não sou vegetariana, mas também não como proteína animal todos os dias (por motivos de saúde e ambiental); tenho realmente prazer em comer de forma muito saudável diariamente, mas não significa que se me apetecer comer fast food, não o faça. Na minha alimentação há espaço para absolutamente tudo, mas com frequências e quantidades adaptadas a cada situação. Acima de tudo, oiço o meu corpo e o que ele me pede. Tenho este estilo de vida desde que senti que os meus hábitos me faziam infeliz e decidi mudar radicalmente, fez agora 7 anos.

O que é que mais te inspira no lifestyle saudável?

A vida e a vontade de viver que se ganha!! Eu sempre que vou correr, por exemplo, apetece-me dançar a música que vou a ouvir, apetece-me inspirar todo o oxigénio que existe no ar, abrir os braços e sentir o vento, e acabo sempre, mas sempre com um sorriso rasgado na cara!! Enfim, ninguém quer viver para sempre, mas penso que todos queremos chegar o mais longe possível e com saúde física e psicológica e, na minha opinião, nada melhor do que uma boa alimentação e atividade física regular para isso acontecer!

Quais foram os principais desafios na adoção de um lifestyle saudável?

A consistência, todo o processo que existe pelo meio entre o “ish, tenho de ir treinar…” ou “Epá não me apetece, vou encomendar comida…” para o “Bora lá!!” Para mim o mais difícil foi mesmo mudar esta mentalidade. Passar de ver como obrigação para adotar como um estilo de vida. E creio que seja a da maioria das pessoas. Prós: passamos a dar ao nosso corpo um meio mais harmonioso para viver, criamos hábitos que nos fazem mais felizes e consequentemente, fazemos quem nos rodeia mais felizes! Contras para mim não há!

O que recomendarias a quem quer começar um lifestyle saudável?

O primeiro passo é sem dúvida querer! Olhar para a nossa vida e perguntar “Sou feliz? E o que é me falta? Os hábitos que tenho, são os mais saudáveis? Estão a empatar-me?” E partir daí! É daí que vem a nossa motivação, de dentro de nós e não do meio, não pelos outros, é por nós! Vem de nós! Um lifestyle saudável é mais do que desporto e alimentação saudável. É procurar resolver e criar hábitos em tudo na nossa vida que nos levem à plenitude.

O que mudou em ti por causa do lifestyle saudável?

Nem sempre tive acesso a uma alimentação variada e saudável, mas sempre pratiquei exercício físico, muito por incentivo do meu pai. Quando entrei para a faculdade, como levava a alimentação e o exercício como uma obrigação e não como um estilo de vida, foi tudo por água abaixo. Comia mal e nunca fazia exercício… engordei 10kg!! (ainda bem que estava num curso de nutrição). No último ano, mais do que o peso a mais, sentia-me sem energia, sempre cansada, doente, desmotivada, pessimista e cheia de desculpas para tudo o que eu queria ser e fazer mas não acontecia. Foi aí que pus um ponto final, voltei à alimentação saudável e à prática de exercício físico e passei a encará-los não como uma obrigação, mas como um estilo de vida, algo prioritário e essencial ao que sou, ao que faço e à minha felicidade. Essencialmente ganhei vida!

Na Clevermeals acreditamos que nunca houve um momento em que o que comemos dissesse tanto sobre quem somos, sobre o nosso ponto de vista ecológico, ético e até sobre o nosso lifestyle.

Sim, eu acredito que as nossas decisões em relação a tudo na vida fazem de nós o que somos e isso inclui a nossa alimentação, não apenas pelos nutrientes, que contribuem para a manutenção da nossa saúde, mas também pela nossa postura e respeito face ao meio em que nos inserimos. Mas, apesar de acreditar nisso, sinto que a tão famosa frase “somos o que comemos” deve ser usada com cuidado, porque existem muitas pessoas sem acesso a uma alimentação saudável, variada, completa e, nesse sentido, podemos estar a cair no erro de rotular, de alguma maneira, alguém como sendo inferior a outros com maiores possibilidades. Mais do que aquilo que comemos, nós somos aquilo pelo que trabalhamos!

O que inspira a tua vida? O que inspirou o projeto Marta Correa Nutricionista ?

Nunca soube muito bem o que queria ser quando crescesse, mas desde pequena que sempre quis ser alguém com capacidade para mudar o mundo, para realmente fazer a diferença na vida das pessoas. Entretanto a vida deu-se eu mantive este desejo de, de alguma maneira, mudar a vida das pessoas para melhor. E é exatamente isto que me inspira, procurar melhorar a vida dos outros e ajudar no que puder. É para isso que estou cá, foi para isso que Deus me fez, tenho a certeza. Foi nesse sentido que nasceu a minha página. Gosto e acredito num estilo de vida saudável como meio para alcançar uma melhor (e mais longa) qualidade de vida e, por isso, aplico na minha vida e dedico-me, com tanta satisfação, a partilhar o que sei e em que acredito para “converter” o maior número de pessoas a este estilo de vida. Posso não mudar o mundo todo de uma vez, mas se o fizer com uma pessoa de cada vez, para mim já está ganho.

Quais são as 3 coisas que não podem faltar na tua vida?

O amor do meu filho, da minha família e amigos, sem isso não sou nada. A paixão pelo que faço, preciso mesmo dessa motivação na minha vida para ser feliz e finalmente a saúde! Sentir-me saudável, ativa, com força e energia é essencial para me sentir capaz e conseguir conquistar tudo o que quero e ainda dedicar-me aos que amo.

Se o Planeta pudesse falar, o que achas que nos diria?

Que o que ele nos dá é suficiente, não é preciso roubar-lhe mais do que isso! Estamos num ponto em que o nosso planeta está no limite, muito por querermos mais do que realmente precisamos para viver. Isto aplica-se a tudo, tanto às excentricidades que exigimos para o nosso “conforto”, como na alimentação. Queremos e consumimos mais do que realmente precisamos e as consequências são um planeta doente, com solos completamente saturados, águas quase totalmente poluídas, animais com populações a chegarem a números mínimos ou mesmo à extinção por estarem a deixar de ter condições para sobreviver no planeta que, em tempos, reuniu todas as condições para os criar e fazer desenvolver. Infelizmente a mentalidade ainda não está realmente consciencializada para estas consequências e, um dia, seremos nós a não ter condições para sobrevivermos aqui.

Como devemos descrever a Marta?

A Marta é uma apaixonada, por tudo, pela vida, pelas pessoas, pela natureza e por tudo o que faz. Talvez por isso, tenha sido sempre tão difícil manter-me muito tempo no mesmo trabalho, a fazer a mesma coisa. Ando sempre a saltitar de projeto em projeto que me mantenha a paixão viva. É nutricionista e uma mulher que valoriza e prioriza muito a família, mas que também tem ambições que precisa de ver alcançadas para se sentir feliz, como a minha página de Instagram, os workshops de alimentação saudável, o meu canal, no qual estou a trabalhar ainda. São tudo projetos que vão além das consultas de nutrição, que me dão muito muito trabalho, mas que me motivam e mantêm feliz. Adora comer, cozinhar, dormir, fazer desporto, ver séries, sushi e rir com memes. Tem um grave problema com tampas, no minuto em que abre um recipiente é o mesmo minuto que perde a respetiva tampa, o que para alguém que cozinha muito é imensamente frustrante!

Discover Healthy. Get Clever!