Os Animais Na Vida Das Crianças

by | Out 6, 2021 | Família, Lifestyle

O Dia Mundial dos Animais celebrou-se no passado dia 4 de Outubro. Fique a saber tudo sobre a a importância e os benefícios do contato com animais e crianças.

A maioria das crianças e dos adultos adoram animais de estimação. Sejam grandes ou pequenos, eles ensinam, divertem e são ótimos companheiros.

No passado dia 4 de Outubro, comemorou-se o Dia Mundial dos Animais.

Este dia é celebrado em vários países, através de diversas iniciativas com o objetivo de sensibilizar a população para a necessidade de proteger os animais e a preservação de todas as espécies, de mostrar a importância dos animais na vida das pessoas e de celebrar a vida animal em todas as suas vertentes.

Os animais na vida das crianças

Animais de Estimação E A Sua Importância

Falando de uma forma particular, os animais de estimação são criados pelas pessoas como fonte de diversão, segurança e companhia. Eles exigem muita atenção e cuidado, mas também trazem bastante alegria à vida das famílias.

Existem diversos animais de estimação, no entanto os mais comuns são o gato e o cão.

Todos nós sabemos que os mais novos deliram com os animais no geral, muitos já crescem com eles em casa, e outros vivem com eles em algum período durante a sua infância.

O que muita gente não sabe é que a presença de animais de estimação em casa traz bastantes benefícios, promovendo o desenvolvimento emocional, cognitivo, social e físico nas crianças.

Sabiam que para além de criar memórias inesquecíveis, o contato regular com animais, domésticos ou não, pode fazer com que a criança tenha uma vida mais longa, saudável e feliz?

Pois bem, é realmente benéfico, mas também é importante perceber que apesar de tudo é uma grande responsabilidade, até porque os animais precisam de cuidados como uma criança. Eles têm de ter alimentação, hidratação, abrigo, segurança, respeito e muito amor.

Além disso, devem ser mantidos limpos e precisam de ter espaço adequado à sua tipologia e tamanho.

Também têm de ser levados ao veterinário regularmente, tal como as crianças ao pediatra.

Resumidamente, os animais têm uma importância afetiva para todos os indivíduos, crianças e adultos. No caso da criança, o seu vínculo com um ser vivo não humano é importante pois melhora indiretamente as relações das mesmas com outras pessoas.

O contato regular com estes animais pode até ser terapêutico, especialmente no caso de perturbações do espectro do autismo. Isso acontece porque há uma transição daquele relacionamento bem-sucedido, espontâneo, sem hierarquias ou obrigações, para os outros relacionamentos da vida daquela criança.

Benefícios Do Contato Com Animais

Um animal de estimação é um companheiro fiel, sempre disposto a mostrar o quanto gosta de pertencer à família.

Os estudos comprovam cada vez mais que ter um cão ou um gato é bastante positivo para a saúde mental e física das famílias. Fique a conhecer os principais benefícios dos animais de estimação nas crianças:

  • Melhorar o bem-estar emocional
  • Estimular a responsabilidade
  • Fortalecer laços familiares
  • Estimular o desenvolvimento cognitivo e motor
  • Fortalecer o sistema imunitário
  • Reduzir a sensação de solidão
  • Aprender a respeitar os animais
  • Encorajar a prática de exercício físico e de atividades ao ar livre
  • Reduzir o stress
  • Aprender a gerir as emoções

Resumindo…

Os animais de estimação estão sempre prontos para animar pequenos e graúdos. Verifique os benefícios das crianças interagirem diariamente com animais e adote um companheiro de aventuras nas plataformas nacionais de adoção e resgate de animais como a “Petify”, “O cantinho da Milu” e o “Adopta-me”.

⚡ Fique a saber mais sobre alguma atividades que pode fazer com os seus filhos, leia o artigo Guia Da Diversão

⚡Fique a conhecer a importância dos hábitos diários na vida das crianças, leia o artigo, Rotina Familiar

truques-familia-clevermealsTruques Prá Família é um projeto de Sofia Rodrigues. Enfermeira de profissão, tem percorrido outros caminhos na área da educação, em estreita relação com as crianças e as suas famílias, dentro e fora do contexto clínico. O foco é a educação positiva, saúde escolar e boas práticas que direcionem para os hábitos de vida.