#testemunho: sonhadora, sensível, aventureira, a Tatiana Fernandes é a autora do projeto @tatianaaafernandes 😊⁠

Conhece a Tatiana e o seu lifestyle vegan.

Qual é a tribo alimentar com que mais te identificas?

Plant based/vegan, há 1 ano e meio. Quando se deu, o grande desmatamento da Amazónia, depois fui pesquisar mais sobre o assunto, e decidi que não queria contribuir mais para a indústria da agropecuária. Inicialmente foi por questões ambientais, em segundo pelos animais e em terceiro a nível de saúde, pois fui sentindo o impacto positivo que essa escolha teve na minha saúde.

O que é que mais te inspira no lifestyle Vegan?

Sem dúvida que é o amor. Como se fosse o maior estado de altruísmo que descobrimos em nós. Para com o ambiente, para com os animais, para com os outros, e para comigo mesma. Parece até estranho mas deixei de sentir sentimentos mais negativos, comecei a ser mais tolerante, mais compreensiva. Porque o estilo de vegan, não muda só o que como, muda a minha visão do mundo.

Quais foram os principais desafios na adopção de um lifestyle Vegan?

O principal desafio foi perceber que o meu processo de transição seria único e diferente de todas as outras pessoas, que por mais que visse as experiências dos outros, a minha ia ser diferente.
Contras- grande parte de produtos que não naturais como fruta e legumes, e refeições vegan em restaurantes e serem um pouco caras. As conversas que não queremos ter quando dizemos alguém que não compreende, quando digo que sou vegan.
Prós- está parece muito óbvia, mas como disse anteriormente a minha experiência é única, nutre-me de dentro para fora, deixei de ter alguns problemas como tinha a nível de azia e de intestinos, o meu colesterol baixou, comecei a comer muito mais saudável, sinto-me sempre entusiasmada para procurar receitas e “veganizá-las”, sinto-me leve por não estar a comer um animal, sinto-me mais feliz, mais confiante com o meu corpo.

O que recomendarias a quem quer começar um lifestyle Vegan? 

A melhor forma de começarem, é descobrirem primeiro o porquê de quererem adotar essa alimentação, e serem fiéis a vocês mesmos, porque é muito fácil voltar sempre a cair na tentação principalmente para quem sempre comeu produtos de origem animal, se souberes, e se caíres na tentação irás te sentir muito mal, e a dissonância cognitiva é muito grande e portanto não vais querer fazê-lo. Em 2° lugar acho muito importante, pesquisarem muito sobre o assunto. Em 3° lugar fazerem análises regularmente, e procurarem um nutricionista principalmente para vos ajudar a equilibrar a vossa alimentação, porque terá de haver uma reeducação alimentar, que se não formos acompanhados podemos de facto ficar doentes.

O que mudou em ti por causa do lifestyle Vegan?

Não digo que tenha mudado algo em mim, mas sim uma descoberta. Vou explicar. A Tatiana que foi durante 21 anos, era uma Tatiana que comia imagina mc dia sim dia não, que sabia dos problemas do mundo, mas que preferia ficar na ignorância e comodismo, e quando eu decidi dar uma oportunidade e fui curiosa e ir a fundo ao problema que se estava a passar naquele momento, assim como a Tatiana que tem sido até ao dia de hoje, fez-me descobrir um lado meu que eu jamais pensaria que existia. Portanto, eu transformei-me, eu fui em busca da minha melhor versão, eu descobri no veganismo uma cura a nível físico, mental e espiritual.

Na Clevermeals acreditamos que nunca houve um momento em que o que comemos dissesse tanto sobre quem somos, sobre o nosso ponto de vista ecológico, ético e até sobre o nosso lifestyle. 

Concordo plenamente, algo que tenho defendido nas respostas anteriores. É muito difícil infelizmente, as pessoas pensarem dessa forma, as pessoas têm tendência a normalizar, e a naturalizarem a ingestão de animais. Sem nunca pensarem que estão consecutivamente a diminuírem a sua dissonância cognitiva, porque por outro lado, também adoram animais domésticos e nunca há esta associação, e isto diz muito das pessoas e a forma como a cultura portuguesa pensa e age.

Quem inspira a tua vida? Pessoas, livros, filmes?

Algo que me inspira muito são, algumas pessoas próximas e figuras públicas, livros, música, meditação

Quais são as 3 coisas que não podem faltar na tua vida?

Comida, descanso e conhecimento.

Se o Planeta pudesse falar, o que achas que nos diria?

Eu existo, os outros animais existem não para vos servir, mas sim em harmonia com vocês. Porque nós fazemos parte de um ciclo, todos precisamos uns dos outros para viver e se continuarem a matar-nos, consequentemente vocês irão morrer também, independentemente da tecnologia, conhecimento que tenham.

Como devemos descrever a Tatiana?

Sou uma pessoa, que se está a auto descobrir, sou sonhadora, sou sensível apesar de as pessoas mais próximas acharem que sou fria, sou aventureira, sou curiosa, detesto ficar na ignorância. Sou muito distraída, faço até muitas vezes, uma analogia com a Dory, sou um pouco preguiçosa, e são poucas as coisas que me fazem o coração a bater. Mas quando batem, é quando me sinto mais eu. Sou muito amiga dos meus e tenho sentido de humor. E podia continuar, acho que tinha um livro para escrever sobre mim, porque acho que sou uma pessoa muito intensa. Não que interesse mas sou aquário.

Discover Healthy. Get Clever!