Embora tenhamos começado 2021 em confinamento, lembre-se que temos sempre algo pelo qual devemos estar gratos. Na semana passada falámos das 10 Maneiras de Praticar Gratidão e do seu impacto no seu bem-estar e hoje reforçamos o tema da gratidão com um conjunto de práticas para que treine o seu cérebro para a gratidão.

As distrações da vida e as pessoas negativas podem dificultar o seu pensamento positivo mas a boa notícia é que pode aprender a treinar o seu cérebro para ajudá-la a manter uma atitude positiva em dias mais difíceis.

No dia-a-dia temos tendência para não valorizar pequenas coisas, seja pelo hábito de as tomar por garantidas, seja pelo modo acelerado em que vivemos mas continuar a lembrar-nos e a agradecer estas pequenas ou grandes dádivas pode fazer uma gigante diferença na nossa qualidade de vida.

Praticar gratidão tem diversos benefícios, incluindo o fortalecimento das emoções positivas, o fomento das relações interpessoais e ainda a melhoria a nossa autoestima. Para além disto uma das maneiras rápidas de aumentar a alegria e reduzir o stress na sua vida é concentrar-se na gratidão.

Mas o que tem a gratidão a ver com cérebro? Pode ter muito! A prática da gratidão pode alterar a função cerebral, induzindo mudanças estruturais no nosso cérebro, particularmente benéficas para estado deprimidos.

Não sabe como começar? Conheça estas 4 maneiras e treine o seu cérebro para praticar a gratidão, torne-se mais consciente de si e do que a rodeia.

4 Maneiras

  • Reserve um tempo para perceber o que está à sua volta

Praticar atenção plena ajudará a sintonizar-se com o momento presente. É possível que se for uma pessoa grata, esteja mais atenta aos gestos dos outros.

Quanto mais se sintonizar com a sua consciência, maiores serão as hipóteses de sentir gratidão, o que pode trazer-lhe satisfação e felicidade. A nossa capacidade de captar a beleza da natureza, a gentileza dos outros, exige a nossa capacidade de ter consciência de nós mesmos e do que nos cerca.

Estar atenta à ajuda na cozinha ou à cor do céu permite-nos gerar gratidão simplesmente por prestarmos atenção a esses momentos.

  • Pratique gratidão pelas pequenas coisas

Muitas vezes lembramo-nos de ser gratos em grandes eventos, como a conclusão da licenciatura ou o casamento mas pode ser mais difícil sentir-se grata pelas pequenas coisas que fazemos todos os dias.

Lembre-se que comer uma refeição, por exemplo, é especial em si e pode ser muito poderoso. Ter consciência imediata da comida, combinando sabores enquanto elimina a fome, é uma ótima maneira de desfrutar a gratidão sempre que come!

Outro exemplo é sentir-se grata de manhã por poder dormir confortavelmente à noite.

  • Partilhe a sua gratidão com os seus entes queridos

A maioria de nós é um pouco culpada por não dar valor aos nossos entes queridos. Da próxima vez que notar um ato carinhoso duma pessoa querida, por que não mostrar gratidão simplesmente dizendo “obrigado” ou dando um abraço?

Devemos mostrar apreço e não permitir que estes atos de bondade passem despercebidos. Treinar a gratidão pelos seus entes queridos pode fortalecer o seu relacionamento com os outros.

  • Partilhe gratidão pelas suas redes sociais

Às vezes as redes sociais podem parecer negativas mas usá-la para partilhar gratidão pode ajudar a criar uma atmosfera online mais positiva. Por exemplo, partilhe um evento recente ou uma lição que aprendeu num livro que leu.

Divulgar de uma forma única e edificante, é uma forma de cada um de nós fazer a sua parte nesta era digital para nos lembrarmos que temos muito a agradecer.

Resumindo…

Treinar a sua mente para praticar gratidão com mais frequência é possível se estivermos atentos a nós mesmos, aos outros e ao meio ambiente.

Lembre-se que temos a capacidade de controlar as nossas próprias emoções e que ganhamos conforto, satisfação e paz, através da prática continuada de gratidão e mindfulness.

Se quiser saber mais sobre Gratidão, leia o nosso artigo 10 Maneiras de Praticar Gratidão.

Discover Healthy. Get Clever!